Rua Ministro Guimarães Natal, 564 - Qd. 30, Lt. 01, Sala 04 - Setor Crimeia Oeste - Goiânia/GO

  • (62) 99285-8614
  • (62) 98419-0068

Engajamento nas redes sociais: construindo a boa imagem do seu negócio

Os canais de mídias sociais são fatores determinantes que refletem como a empresa ou a marca é atualizada e como se relaciona com os clientes. Portanto, estar presentes nesses canais de comunicação estreitam o diálogo com seus clientes, tornando-se também itens que podem gerar mais vendas e promover a boa imagem do seu negócio.

As redes sociais é palco para vários tipos de discussões e exposições, sejam de cunho pessoal ou simplesmente para o entretenimento. No entanto, a exigência dos consumidores, a busca por informações de relevância, a interatividade com as marcas fizeram com que o tom de negócios ou empresarial envolvessem também as redes sociais. Hoje se torna muito válida aquela expressão “quem não é visto, não é lembrado”. Não basta apenas expor o seu produto ou serviço, pois o consumidor quer e espera mais – o engajamento.

Isso mesmo! Estamos falando de diálogo nas redes sociais, de proximidade com o seu cliente ou potencial cliente, de fidelização. Engajamento se traduz em relacionamento. Com esse canal de comunicação é possível estabelecer um diálogo direto com as empresas e marcas tal como elogiar, reclamar ou sugerir ideias. E o mais interessante é que esses canais precisam que as empresas estejam atentas aos feedbacks e, talvez o mais desafiador, que criem empatia.

Outro fator essencial é a criação da boa imagem do seu negócio por meio do engajamento. Para o consumidor a atenção é valiosa, a forma com que conduz a conversa pode determinar a sua fidelização. E mais! O engajamento bem feito pode gerar mídia espontânea positiva – aquela que não depende de investimento financeiro para que seja divulgada. Caso contrário, o engajamento com linguagem inadequada ou desleixada pode impedir a construção de uma reputação nas redes sociais.

Lembram do perfil da Prefeitura de Curitiba? Pois bem! É um dos exemplos mais precisos de engajamento nas redes sociais. Além de se comunicar com os usuários da rede social o perfil também criava situações e diálogos com as páginas de outras prefeituras. A Netflix também possui uma linguagem peculiar para falar com seus seguidores no Twitter, por exemplo. É importante que haja a sensibilização e a motivação para mobilizar, mas para que isso aconteça é necessário entender o processo da comunicação e, posteriormente, aplicar as ferramentas digitais. 

Aproximar a marca do público, a chave é essa. E agora tem aquela história de automação nas redes sociais. Olha, acreditamos que esse assunto merece até um artigo específico.  Mas, para mencionar a respeito, a automação tem os seus dois lados: é uma maximização do tempo e uma tendência forte, mas por outro lado pode acarretar em um engajamento fake, como por exemplo, perfis que não tem nada a ver com o seu público-alvo, a compra de seguidores e likes e que, consequentemente, não serão potenciais clientes. Aqui cabe aquela outra expressão “quantidade não significa qualidade”.  

 

Danyla Martins, jornalista, assessora de imprensa, diretora de comunicação da ID+ Empresarial, especialista em Assessoria de Comunicação e Marketing; MBA em Comunicação Digital; Tecnóloga em Hotelaria.